ULTRA VIOLET NO SEU PRATO

Lendo a revista Vogue do mês passado, vi uma matéria que me chamou a atenção falando sobre os alimentos de tons roxos. Resolvi pesquisar mais e compartilhar com vocês, espero que gostem!

O ultra violet é a cor do ano, eleita pela Pantone e vem dominando o mundo da moda e da decoração com sucesso. Não demorou muito para chegar até a nossa mesa! Os alimentos naturais com essa tonalidade linda e se ver são ricos em antioxidantes e retardam o envelhecimento, ou seja, queremos!

O Whole Foods, que é uma empresa americana fornecedora de alimentos naturais, registrou a partir de 2016 um crescimento gigante na busca por alimentos dessa cor, como o açaí da Amazônia brasileira, o milho dos Andes e o inhame púrpura das Filipinas e algumas variedades de brócolis, cenouras, aspargos e couve-flor desenvolvidos por cruzamentos genéticos.

Agora resgatando o que aprendi quando fazia nutrição, o nome técnico dado à essa febre é antocianina, um dos mais potentes antioxidantes e anti-inflamatórios,  presente em frutas (açaí, ameixa, amora, figo, jabuticaba, mirtilo e uva), legumes e raízes (alface, repolho, radicchio, manjericão e tomilho) e também em flores comestíveis (lavanda, violeta e hibisco).

Além de tudo isso, a antocianina protege o nosso DNA e pode prevenir alguns tipos de câncer. Ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue e reduz os riscos de doenças coronárias. Também ajuda a controlar a ação dos radicais livres, que aceleram o envelhecimento.

E aí? Vai começar a prestar mais atenção na parte de hortifruti no mercado ou já está totalmente dentro dessa tendência saudável?

Os nossos alimentos também podem ser fashions e render belas postagens no instagram! 🙂 Variedade de cores e texturas garantem saúde para nós e boas fotos para nossas redes sociais!

Um beijo,



Deixe seu comentário :)